O vento


Ninguém sabe onde o Vento nasce, o seu aniversário nunca é comemorado, mas sem ele a primavera não seria tão bonita e cheia de flores, as árvores não dariam tantos frutos e haveria muita fome. Quem poderia espalhar o pólen das flores se não fosse ele?

Velejar não seria possível, e o Brasil jamais seria descoberto pelos portugueses, e o mundo seria privado de nosso improviso, do samba, do futebol, do Pantanal. Sem o Vento não existiriam ondas no mar e a brisa seria apenas um desejo.

Por ter visto muitas árvores serem quebradas ou arrancadas, a palmeira não tem ousadia de enfrentar o Vento, prefere se curvar e deixá-lo passar. O saco plástico, que foi descartado, já ia virar lixo, mas por um golpe de sorte vem o Vento e o joga nas nuvens e ele se sente como um pássaro, voando e apreciando a paisagem.

OVento pode estar soprando em sua vida ou em seus negócios, até parece que as coisas não vão dar certo, então quero te dizer que o mesmo Vento que arranca os telhados é aquele que levanta a pipa e faz a alegria do menino. Não sei se o que está passando pela sua vida hoje é uma brisa ou um furacão, mas seja lá o que for, o melhor é fazer como a palmeira, deixe o Vento passar, fique calmo, hoje você pode estar igual à sacola de lixo, mas amanhã poderá voar como um pássaro.
Tenha fé em Deus, esse mal não veio para te matar, mas para te fazer mais forte!


(Texto retirado do livro: Como produzir Esperança - Klai Ferreira)

Klai Ferreira - @Klaifer
https://www.facebook.com/liderefoco/

Postagens mais visitadas deste blog

Edificando uma família

Edificando uma família - O casamento